quinta-feira, 19 de outubro de 2017

DESAPROPRIAÇÃO DO CAMPO DO 7 SUBIU NO TELHADO.



Subiu no telhado o Decreto de Desapropriação da área no bairro de São Francisco que compreende também o conhecido campo de futebol do Clube 7 de Setembro. E, por consequência, a política oficiosamente ananicada mas não oficialmente publicada de desapropriações do Prefeito Felipe Augusto.

Até onde sei o Decreto ainda não foi revogado. 

Mas, o que teria despertado a atenção de alguns setores da sociedade é que, entre outras coisas, o documento teria que ter sido precedido da criação de uma Lei específica; alteração no Plano Plurianual; pedido à Câmara Municipal para a criação de uma dotação orçamentária, com criação de rubrica, enfim, procedimentos que não foram adotados na gestão nem pedidos que fossem feitos na transição.

Mas, consta que já se enxerga um outro pulo do gato nessa história.

Em se mantendo as coisas no estágio em que estão, poderá acarretar - num futuro próximo - em um pedido de indenização milionária pelas partes proprietárias das áreas sob o Decreto. 

É preciso saber se procede, e melhor ainda que a Prefeitura esclareça os fatos, mas, haveria suspeita de que o pai do prefeito estaria entre os beneficiários. A falta de clareza gera esse tipo de dúvida e até mesmo especulações. Mas, não seria a primeira medida do Governo em que essa figura paterna estaria presente entre os beneficiários.

Consta que o sinal amarelo já estaria aceso no Ministério Público. Mas, que o MP de Contas do TCE também deverá ser oficiado. A confiança no Poder Legislativo local inexiste, infelizmente.
À ver.

O espaço está liberado às manifestações contrárias.
-
10h50min.  -  adelsonpimentarafael@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário